Canhão antigo é encontrado dentro do Rio Manguaba em Porto Calvo
   Severino  Carvalho  │     14 de julho de 2017   │     9:30  │  0

Canhão foi encontrado dentro do Rio Manguaba (Fotos: divulgação)

O ex-diretor municipal de Cultura, Adelmo Monteiro, encontrou, há cerca de um mês, submerso no Rio Manguaba, um antigo canhão, que remonta às refregas dos exércitos luso-espanhol e holandês na histórica Porto Calvo de Calabar.

Nesta sexta-feira (14), Adelmo pôs o canhão em exposição no Espaço Cultural Guedes de Miranda, na rua homônima, 25, Centro da cidade. Lá, o visitante pode conferir outras relíquias dos séculos 17 e 18, quadros e fotografias da Porto Calvo do início do século 20. O espaço fica aberto de segunda à sexta, das 8 h às 14 horas.

“O canhão estava guardado em segredo. Ele mede 1,7 metro e é todo de ferro. Como estava submerso, não dá para identificar sua origem, mas acredito ser de fabricação portuguesa ou holandesa”, afirmou Monteiro, um aficionado por História.

Ele coleciona outras relíquias como moedas antigas, balas de canhão, talheres, espadas, tudo encontrado no solo viçoso da histórica Porto Calvo.

Saiba mais sobre a história de Porto Calvo clicando AQUI

Tags:

>Link  

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *